ATENDIMENTO 24H: 0800 067 6010 / SAC: SAC0800@SANESUL.MS.GOV.BR

Unidades Regionais em ação: GERDO

2020 foi um ano de muitos investimentos na regional da GERDO, que abrange as cidades de: Dourados, Douradina, Fátima do Sul, Itaporã, Maracaju, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante e Vicentina. E em 2021 não será diferente.
Escrito por ACOM/SANESUL
22/01/2021 08:07:11    


A segunda maior cidade do estado do MS caminha a passos largos para universalizar o esgotamento sanitário.

Dourados

Na atual gestão do governo do estado, Dourados, a segunda maior cidade de MS, foi contemplada com mais de R$ 248,3 milhões em investimento para saneamento básico.

Todo recurso é utilizado na aquisição de materiais, construção das ETEs, reforma das Estações de Tratamento de Água, execução de rede coletora de esgoto, ligações domiciliares de esgoto, construção de coletor sanitário, e na ampliação e melhorias do Sistema de Abastecimento de Água tratada.

Em execução, atualmente há R$ 105,2 milhões em obras de água e esgoto.

Para 2021 já temos garantidos outros R$ 33,3 milhões para novas obras. Parte do recurso será destinada na ampliação dos sistemas, principalmente da coleta e tratamento do esgoto doméstico da cidade, que deverá ser universalizada muito em breve. Um dos principais projetos será a ampliação da ETE - Estação de Tratamento de Esgoto Laranja Doce em 40 L/s.

 

Fátima do Sul

Com quase 20 mil habitantes, a cidade conhecida como “favo de mel” vem recebendo atenção do Governo do Estado do MS com várias obras.  Na gestão estadual atual, a Sanesul investe R$ 4,4 milhões de reais em tratamento de água e esgotamento sanitário. Em 2021 a Companhia de Saneamento  continuará investindo em Fátima do Sul, buscando a melhor qualidade de vida aos habitantes.

 

Itaporã

Em 2021 estão programados investimentos importantes para a cidade de Itaporã. Por meio do Programa Avançar Cidades, em parceria com a Caixa Econômica Federal, já estão garantidos mais R$ 11 milhões, para execução de 36 km de rede coletora de esgoto, 2.703 ligações domiciliares de esgoto, construção de duas estações elevatórias, 3.409m de linha de recalque e demais obras complementares.

A cidade encontra-se em obras com a construção de uma Estação de Tratamento de Esgoto, estação elevatória, rede coletora de esgoto e 92 ligações domiciliares de esgoto. São executadas com recurso de convênio com a Funasa, no valor de R$ 4,2 milhões.

Na atual gestão estadual, há um total de R$ 20,8 milhões em investimento em saneamento para a cidade.

 

Maracajú

Recentemente, o município, que tem destaque no agronegócio, recebeu da Sanesul por meio do Programa Avançar Cidades -parceria com a Caixa Econômica, R$ 7,6 milhões para esgotamento sanitário. O recurso está sendo usado na execução de 43,5 km de rede coletora de esgoto, 2.346 ligações domiciliares de esgoto e adequação de uma elevatória.

Em 2021, ainda com o Programa  Avançar Cidades, Maracajú terá mais R$ 3,6 milhões garantidos para as demais obras complementares do sistema de esgotamento sanitário.

Total de investimentos em saneamento viabilizados pelo governo estadual e Sanesul para Maracaju, R$ 29,5 milhões.

 

Nova Alvorada do Sul

Na gestão atual do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, a Sanesul investe mais de R$ 9,5 milhões de reais em várias obras de saneamento na cidade de Nova Alvorada do Sul. 

Esgotamento sanitário - Uma delas foi da nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), e o incremento na extensão das redes de coleta do esgoto. Diversas famílias foram beneficiadas com as ligações domiciliares. Obra em parceria com a FUNASA – obra entregue em 2018. 

Água tratada – Em 2020, por determinação da diretoria da Sanesul, foram investidos recursos importantes na infraestrutura de produção e distribuição de água tratada, todos da própria empresa e aplicados na ativação de poços, limpeza e manutenções, redes de distribuição e implantação de uma adutora, interligando o poço ao centro de reservação Maria de Lourdes. Foi possível executar ajustes e melhorias para aumentar a vazão dos poços (NOA 002), (NOA 006) e (NOA 007).

 

Rio Brilhante

R$ 6,7 milhões é o montante de recurso que a Sanesul está executando em Rio Brilhante, com ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto, ligações domiciliares, execução de rede coletora de esgoto e ligações domiciliares.

Há duas vias de recursos adquiridos pela Sanesul, um com a Caixa Econômica Federal via programa Avançar Cidades, e outro com convênio com a Funasa.

Ao todo, na atual gestão estadual, Rio Brilhante possui R$ 23,4 milhões em recursos investidos em saneamento básico para a população.

 

Vicentina

Em julho de 2019, a prefeitura renovou a concessão com a Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul), e garantiu via Contrato de Programa as melhorias e ampliações no saneamento básico de Vicentina, mais saúde e qualidade de vida dos moradores, com fornecimento de água tratada e obras para o Sistema de Esgotamento Sanitário da cidade. 

Estão previstos recursos da própria Sanesul e financiados, a maior parte irá para o Sistema de Esgotamento Sanitário da cidade, para execução de redes coletoras, ligações domiciliares e elevatórias de esgoto. O objetivo é elevar o percentual de cobertura desse serviço para toda a população nos próximos anos.

Atualmente, há obras de ampliação da rede de esgoto em execução.

 

Douradina

Douradina pertence à Microrregião de Dourados, fazendo parte desse polo econômico em agropecuária, com terras férteis e um futuro de grandes possibilidades, o que torna o saneamento básico um aliado importante para a valorização da região.

A Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) assumiu recentemente a operação do sistema de abastecimento de água do Distrito Cruzaltina, pertencente ao município de Douradina.

A cidade possui uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), com capacidade de tratar até 21.8 litros de esgoto bruto por segundo.

R$ 2,4 milhões é o valor de investimento em saneamento na gestão estadual atual.